O ódio que nos conduz a salvação



12 março, 2014


O pecado separa a nossa alma de Deus. Toda a nossa história, enquanto cristãos, é marcada pela constante luta por fazer o bem, ao passo que nossa natureza corrompida nos impele a fazer o mal.
Assim, podemos concluir que o pecado deve ser odiado por nós, provocando um sentimento de repulsa a todas as más inclinações.
O ódio ao pecado nos leva a amar mais os irmãos. Isto porque o discernimento adquirido leva a uma visão aguçada, que separa o pecador da situação do pecado. Essa graça aumenta em nós a compaixão pelo outro, fazendo com que saibamos o momento propício e a maneira certeira de ajudar o próximo.
Muitas coisas não dão fruto em nossa vida, tanto na dimensão pessoal quanto na comunitária. E nem sempre conseguimos entender o porquê. Se analisarmos a nossa história, concluiremos que existe o vestígio do pecado maculando a nossa vida. Esses pecados escondidos, esquecidos e não confessados, funcionam como âncoras que nos impedem de avançar. O ódio ao pecado nos ajuda a descobrirmos essas manchas, proporcionando a oportunidade de reconstruirmos nossa história.
Finalmente, o ódio ao pecado garante um coração contrito e através do sacramento da confissão, uma amizade sólida com Deus. O fruto dessa condição é a intimidade profunda com o Senhor, enraizada no Temor de Deus, que cresce e floresce na caridade, que já não se sujeita a situação de nossas limitações humanas.
Rogue a Deus o dom do ódio ao pecado. Peça a Ele um coração disponível, como o da Virgem Maria, aberto a realização do projeto de salvação para a sua vida. Busque o Sacramento da Confissão, após uma revisão profunda e sincera de sua vida. Confie no perdão do Senhor, e busque a conversão todos os dias.
Marcio Bombacini – Oblato Corpus Christi


COMPARTILHE ESTA PAGINA


Deixe um comentário

     
 Notícias

  14 dez, 2015
Papa abre a Porta Santa da Basílica de São João de Latrão

  13 dez, 2015
Pais perdem guarda dos filhos por serem “muito cristãos”

  13 dez, 2015
Bispos norte-americanos pedem ação urgente contra ‘pecado mortal’ da pornografia

  21 abr, 2015
O número de católicos aumentou 12%


 O que estamos fazendo
 
  1 nov, 2016
… para a galerinha de 08 a 10 anos

  29 jun, 2016
Não perca!